Sindicato Interestadual das Indústrias Misturadoras, Envasilhadoras de Produtos Derivados de Petróleo
Simepetro - Sindicato Interestadual das Indústrias Misturadoras, Envasilhadoras de Produtos Derivados de Petróleo
(11) 3207 0072
Novo recorde de produção de petróleo e gás em dezembro de 2010 – 31/01/11

 

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) está divulgando hoje (31/1) seu Boletim da Produção de Petróleo e Gás Natural referente a dezembro de 2010, que registra novo recorde tanto na produção brasileira de petróleo, quanto na de gás natural. A produção de petróleo foi de 2,18 milhões de barris por dia (bbl/d) em dezembro de 2010, o que representa um aumento 4,4% em relação a novembro de 2010, com 2,09 milhões de bbl/d. A produção de gás natural foi de aproximadamente 69 milhões de metros cúbicos por dia (m³/d) em dezembro de 2010, uma elevação de 4,5% em relação aos 66,2 milhões de m³/d produzidos em novembro do ano passado.

Na comparação com dezembro de 2009, o aumento registrado foi de 9,1% na produção de petróleo e 14,5% na produção de gás natural. A íntegra do Boletim de Produção de novembro de 2010 pode ser consultada na página da ANP na internet, no endereço http://www.anp.gov.br/?dw=41751

Pré-sal

A produção do pré-sal em dezembro de 2010 superou a do mês anterior, com 65,2 mil bbl/d e 2,312 milhões m³/d de gás natural, por meio dos poços 1BRSA108AESS e 6BRSA639ESS, em Jubarte, e 3BRSA496RJS e 9BRSA716RJS, no teste de longa duração do bloco BM-S-11. A área do teste de longa duração de Tupi (BM-S11) foi declarada comercial em 29/12/2010, mas, para fins de elaboração do Boletim da Produção foi considerada integralmente na Fase de Exploração. Em novembro de 2010 a produção foi de 63,7 mil bbl/d de petróleo e de 2,301 milhões m³/d de gás natural.

Queima de gás

Em dezembro de 2010 houve redução de aproximadamente 11,4% na queima de gás natural em relação ao mesmo mês de 2009 e de 2% em comparação a novembro de 2010. Do volume total queimado 79,23% são oriundos de campos na Fase de Produção e 20,77% de testes de longa duração (TLDs) de concessões na Fase de Exploração.

O Índice de Utilização de Gás Natural, considerando-se apenas concessões na Fase de Produção, foi de 92,27%.

Campos produtores

Considerando-se a produção de petróleo e gás natural, o crescimento em relação a novembro foi de 110 mil de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), sendo os campos de Jubarte, Cachalote e Marlim, na Bacia de Campos, os principais responsáveis pelos resultados.

Foram extraídos de campos marítimos aproximadamente 91,4% da produção de petróleo e 75,7% da produção de gás natural no Brasil, em dezembro de 2010. Os três maiores campos terrestres produtores de petróleo e gás natural, em barris de óleo equivalente, foram Leste de Urucu, Rio do Urucu (Bacia do Solimões) e Carmópolis (Bacia de Sergipe). Merecem destaque cinco poços terrestres no campo de Rio Urucu, na relação dos 30 com maior produção de gás natural.

Em torno de 92,53% da produção de petróleo e gás natural são provenientes de campos operados pela Petrobras. Dos 20 maiores campos produtores de petróleo e gás natural, em barris de óleo equivalente, dois são operados por empresas estrangeiras Frade (Chevron) e Ostra (Shell), na Bacia de Campos.

Bacias maduras terrestres

A produção das bacias maduras terrestres – o que inclui campos produtores e testes de longa duração nas bacias do Espírito Santo, Potiguar, Recôncavo, Sergipe e Alagoas – foi de 184 mil boe/d, sendo 149 mil bbl/d de petróleo e 5,614 milhões m³/d de gás natural.

Plataforma

A plataforma P-52, localizada no Campo de Roncador, Bacia de Campos, produziu aproximadamente 151,4 mil boe/d e continua sendo a unidade com maior produção pelo quarto mês consecutivo.
Fonte: ANP