Sindicato Interestadual das Indústrias Misturadoras, Envasilhadoras de Produtos Derivados de Petróleo
Simepetro - Sindicato Interestadual das Indústrias Misturadoras, Envasilhadoras de Produtos Derivados de Petróleo
(11) 3207 0072
Magda Chambriard é a nova diretora-geral da ANP – 12/03/12

A engenheira civil Magda Maria de Regina Chambriard, de 54 anos, foi empossada o dia 9 de março, como diretora-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. A nomeação, pela Presidenta da República, foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira. Magda substitui Haroldo Lima, cujo mandato se encerrou em 11 de dezembro de 2011. Desde então, o cargo vinha sendo ocupado interinamente pelo Diretor Florival Rodrigues de Carvalho. Carioca, a diretora-geral é pós-graduada em Engenharia Química pela COPPE, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (1989), em Engenharia de Reservatórios e Avaliação de Formações (1980) e Engenharia de Reservatórios e Produção (1983), ambas pela Universidade Corporativa da Petrobras.
Desde novembro de 2008, Magda é uma das quatro diretoras da Agência, cargo cuja indicação foi submetida à aprovação do Senado Federal. Naquele ano, Magda assessorou, pela ANP, a comissão interministerial criada pelo então presidente Luis Inácio Lula da Silva para estudar as regras de exploração e produção das reservas de petróleo e gás na área do pré-sal. Como diretora da Agência também coordenou os estudos que resultaram na certificação dos ativos para a capitalização da Petrobras. Funcionária de carreira, aposentada, da Petrobras, ingressou na ANP em 2002, como assessora de Diretoria, com atuação principalmente nas áreas de Exploração e Produção. A partir de 2005 assumiu a Superintendência de Exploração (SEP) da ANP, na qual foi responsável pela regulação e fiscalização das atividades exploratórias realizadas em todo o território nacional.
A partir de 2006, passou a dirigir simultaneamente a SEP e a Superintendência de Definição de Blocos (SDB) da ANP. Na SDB, foi responsável por estudos geológicos e geofísicos que ampliaram o conhecimento sobre os recursos petrolíferos nacionais e subsidiaram o MME/CNE na escolha das áreas exploratórias a serem licitadas. Participou da elaboração dos planos plurianuais para aquisição de novos dados e informações sobre as bacias sedimentares brasileiras. Os planos adicionam 5 milhões de km2 de bacias sedimentares ao cenário petrolífero brasileiro e encontram-se em andamento desde 2007.
Com 32 anos de experiência na área de petróleo, Magda Chambriard ingressou na Petrobras em 1980, como engenheira estagiária. Naquele período, atuou na Área de Engenharia de Reservatórios (implantação de projetos e supervisão) e na Área de Produção. Também participou de grupos de avaliação de performance de projetos nacionais de E&P. Ainda na Petrobras, integrou a Área de Novos Negócios de Exploração e Produção, na negociação de campos de petróleo maduros, campos em desenvolvimento e áreas exploratórias.